(83) 3321.6670 |

BLOG

03/10
2018

No dia 10 de março de 1876, o desenvolvedor Alexander Graham Bell, patenteou o telefone. Uma das mais importantes invenções para a comunicação, tornando o contato entre pessoas em locais distantes mais rápida e prática. 
Atualmente, foi incrementada uma variedade de ferramentas e utilidades na invenção. O telefone deixa de ser um aparelho apenas para ligação e passa a ser, considerado por muitos, uma extensão do corpo humano. 
Segundo a pesquisa “Google Consumer Barometer”, realizada anualmente pela Google em parceria com a empresa Kantar TNS, 62% dos brasileiros usam smartphones. O Suplemento de Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) 2015, divulgado Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostra que o smartphone é o meio mais utilizado por brasileiros para acesso à internet.
Uma ferramenta tão útil deve ser incorporada por todas as áreas, inclusive a educação. O telefone pode ser um grande auxiliar no processo de aprendizagem, quando usado corretamente. Por isso listamos 5 maneiras que o celular pode te auxiliar nos estudos.

1: Agende seus compromissos e atividades
Nem todo mundo usa ou anda com uma agenda para anotar seus compromissos. Na maioria dos aparelhos de celular existem funções de agendas e calendários onde você pode anotar todos os seus compromissos e atividades a serem realizadas. Além disso, você pode programar a função de alarme para que ele emita lembretes sonoros e visuais para que você não esqueça. 

2: Use para pesquisas
Como a maioria dos brasileiros tem acesso a internet através do smartphone, você pode utilizar os diversos tipos de buscadores para pesquisar por artigos, notícias, livros, imagens, vídeos e todas as variedades de conteúdos que possam te ajudar a entender um determinado assunto. Mas fique atento onde você colhe essas informações, a internet facilita o alcance de informações verdadeiras e falsas. Por isso, é importante sempre buscar em sites confiáveis, ou comparar os dados em mais de uma fonte de informação. 

3: Armazene E-books e anotações
Além de facilitar as pesquisas, os celulares atuais possuem memória interna. Neste caso, é possível que você faça o download de livros, vídeo-aulas e apostilas que você poderá utilizar para estudar em qualquer lugar. Além disso, há vários aplicativos que você pode utilizar para anotar ideias, escrever textos, fazer slides dos seus trabalhos, fazer listas de atividades e não perder nenhuma anotação, afinal, nem sempre estaremos com papel e caneta na mão. 

4: Registre dados importantes
Além poder fazer e armazenar informações em texto, todos os modelos de smartphones trazem funções de câmera e gravador. Você pode gravar um colega ou professor explicar determinado assunto para revisar depois. Da mesma forma, você pode utilizar a câmera para registrar gráficos e imagens que são difíceis de desenhar. 

5: Esclareça pequenas dúvidas
Sempre aparecem dúvidas em meio ao estudo, algumas, podem ser rapidamente resolvidas. Quem nunca teve uma dúvida sobre como se escrevia determinada palavra ou qual a capital de tal país? Pois é, essas dúvidas não podem impedir que continuemos estudando e permanecer com elas pode atrapalhar, então é resolver isso rápido e voltar a estudar. 

Em todo processo de aprendizagem é importante ter disciplina, isso implica dizer que, podemos usar os celulares como ferramentas para aprendizagem, mas, em momentos reservados para estudar, não se deve utilizar os aparelhos para outras coisas além dessas funções. Responder mensagens dos amigos, ficar olhando fotos e vídeos nas redes sociais vai acabar atrapalhando.

Copyright © 2017. Infogenius - Todos os direitos reservados